segunda-feira, maio 21, 2007

Neblina

E esses moleques homens
Que fumam cigarros de segunda
Pela primeira vez.
Com uma fumaça que
inebria
Que os faz viver intensamente
Cada segundo da sua morte Particular
A garganta cortada
Esse gosto de vômito
E a sensação de vitória
Por derrotar-se
Inale neblina! Cheire fumaça! Viva!
Ou, se preferir - vegete!!

3 comentários:

José Douglas disse...

[cara, não posso falar nada, vejo que aprendeu a fazer tudo o mais imprevisível possível.
Tá tudo bem bacana, falta
um pouco atualizar, esquecer
o passado, sei lá, mudar
um pouco.
Mas, ruim, está longe de ser.]

Gabriela disse...

Ohh rpz
Seu blog tá muito legal!
sucesso

bjão

Tamiris disse...

massa...adorei o blog todo!!